Ghostbuster não revitalizado

Dedetizar o apartamento é a coisa mais besta. Foram apenas algumas gotinhas de gel superfaturadas.

Esperava um cara metido no uniforme dos Ghostbusters. Abro a porta e me aparece um magricela tatuado (as tatuagens eram bem legais), com uns 10 piercings (também curti), camiseta, calça jeans e duas bisnagas de plástico na mão.

(Nota desimportante: uma bisnaga de gel para barata e outra bisnaga de gel para formiga, porque baratas e formigas são pragas completamente distintas e, portanto, são exterminadas de formas diferentes, embora as duas bisnagas sejam da mesmíssima cor, é bom atentar).

Dou uma dupla olhada no corredor por cima do ombro do sujeito, nada.

Cadê a parafernália? A geringonça toda para a pulverização dos ralos, moço? Eu quero ver fumaceira.

Tem não.

Pronto, gourmetizaram a dedetização.

A coisa foi tão rápida que mal tive tempo de elogiar os alargadores que ele tinha na orelha. Coisa fina. Prata. Estiloso.

Se fosse minha casa não pagava não. Só por algumas gotinhas de gel no rodapé. Pagava não.

Oi? Moço, agora vou ter que lutar com você pelo cheque. Ou devolve ou sequestro as bisnagas (risos).

Acabei.

Tão rápido?

Agora realmente considero um embate corporal pelo cheque.

Quase esqueci de passar o gel da barata no banheiro. Da formiga eu passei. Passei? Nossa, muito caro mesmo para algumas gotinhas de gel. Contratam por pânico. É o comércio do pânico.

Pausa para assimilação.

Você tá refém da bisnaga entende? Porque você só compra a bisnaga, essa bisnaga aqui, da boa, só com CNPJ. Essa crença que algumas pessoas têm de que as baratas das áreas comuns do prédio entram nos apartamentos é lenda. São baratas completamente diferentes.

Pausa para assombro.

Ele sorri o sorriso confiante de quem pontua o óbvio.

Eu achei por bem deixar pra lá o fato de que topei pagar 200 reais por 2 metades de bisnaga (meu apto é pequeno), tudo por pura crença e sorrio de volta para deixar bem claro que essas pessoas equivocadas não são as pessoas que moram neste apartamento. Não senhor. Somos pessoas sem pânico. Somos pessoas completamente diferentes.

Agora é deixar “vir” as baratas e as formigas que estiverem dentro.

Como assim, vir? É para não “vir” que tô pagando 200 pratas.

Só formigas e baratas que estiverem dentro. As de dentro. As de dentro você deixa elas fazerem a festa delas. Comerem o gel. Dai tá tudo exterminado. Ou não. Mas você tem seis meses de garantia. Tranquilo.

Ai! Meti a mão no gel. Tem problema?

Moça, é só não comer (nem lamber) as gotinhas que tá tudo certo. Ou não (ri).

Ok, então. Mais uma trouxa nasce no mundo, penso. Mas não esquece de me mandar por e-mail o meu certificado de garantia de seis meses. Vai que.

Anúncios

Sobre Andrea

De lua. Totalmente.
Esse post foi publicado em Será que Freud explica?, Uncategorized e marcado , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Ghostbuster não revitalizado

  1. Gilberto Costa disse:

    Parabéns!! Muito legal! Estava sentindo falta dos seus textos bem humorados!!!

Deixe o seu comentário aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s